AbbrA 

 
   

A Arte de Viver

Valmor  Vieira

AbbrA - A Arte de Viver; milhares de páginas visitadas por dia; Treinamento de liderança e criatividade: resumos de  cursos, conferências e palestras; jogos, vivências, exercícios, testes e dicas para a sua formação pessoal e profissional.....

Marcus Vieira

AbbrA
Capacitação
 e treinamento
Exercícios e testes
Jogos Psicológicos
Jogos Intelectuais
Resumo de cursos
Vivências
Dicas especiais
 
Filosofia
Fábulas
Mensagens 
Citações
Poesias 
 
Álbum da
Natureza
Paisagens
Pôr do sol
Flores
Animais
Pássaros
Borboletas
Praias
Moradas
 
Humor

Causos

  Cartoons e fotos

 
Magia
Sonhos lúcidos

Kama Sutra

Orações e preces

Auto-afirmações
Enigmas
Talismã sagrado
 
Radical Demais
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
       
     

Magia

 
  Enigmas, mistérios e  curiosidades  

Os táquions  

Táquions são partículas que, mesmo dentro da Teoria da Relatividade, viajam mais rápido do que a luz.

A descrição-padrão das duas famílias de partículas permitida pelas equações de Einstein segue a exigência que a energia total de uma partícula é dada por:

  

Teríamos as 4 possibilidades : 

Solução

Massa

Velocidade

Partícula

 

1

real

Menor que a luz

Mundo físico como conhecemos

 

2

real

Maior que a luz

Parte imaginária do espaço/tempo

 

3

imaginária

Menor que a luz

Antimatéria

 

4

imaginária

Maior que a luz

Táquions

 

A discussão acima pretende ser como um exercício de especulação, ou ficção científica, se preferirem, e talvez seja surpresa saber que Jack Sarfatti, do Centro Internacional de Física Teórica em Trieste, Itália, sugeriu algo bem semelhante como explicação da maneira pela qual um “observador” pode interagir com uma “experiência” (isto é, qualquer coisa em tomo do observa­dor) para alterar a probabilidade quântica dos eventos — escolhendo entre os múltiplos universos paralelos, se quiserem. Se uma coleção de átomos no cabo de uma colher, por exemplo, “escolhe?’ determinado estado quântico, a colher entortará.

Em um retrato do universo múltiplo suponho que haja um universo correspondendo a qualquer efeito possível no nível quântico, e neste caso, somos felizes (ou infelizes?) pelo entortar de uma colher acontecer ocasionalmente, aqui, e não sempre. Muitos conceitos da Mecânica Quântica pareçam  estranhos à nossa mente, acostumadas ao macro-mundo, sendo permis­sível considerar-se um positron movendo-se à frente no tempo como equivalente a um elétron movendo-se para trás no tempo (é um território estranho onde a teoria das explosões do Buraco Negro cria raízes).

É também uma característica fundamental da Teoria Quântica que qualquer “observador” é intrinsecamente parte de qualquer “experiência”, já que o simples ato de observar altera a situação observada — é o tema do trabalho de Sarfatti. Apliquemos estas idéias a uma “experiência” na qual a mágica de entortar a colher está sendo observada por um grande público no teatro ou na TV.

A massa geral dos observadores envolvida nessa experiência produzirá ondas sem nitidez de táquions, trazendo expectativas normais sobre o comportamento de objetos como uma colher.

Uma focalização ajustada de táqui­ons em linha com a expectativa que a colher entortará poderá, segundo Sarfat­ti, talvez empurrar os efeitos quânticos para produzir esta situação — mas quando Geller entorta a colher é uma surpresa para a audiência.

Como eles puderam dirigir seu conhecimento taquiônico para influenciar a Estatística Quântica antes do evento?

A resposta é simples, se os táquions podem viajar para trás no tempo. A produção espetacular das colheres tortas produz as ondas de admiração na audiência, liberando um fluxo de táquions que viajam para trás no tempo e fazem as colheres se entortarem um pouco antes de produzido para criar a surpresa.

Se um processo desses puder ser acionado de modo deliberado, poderá explicar os fenômenos telepáticos como uma comunicação taquiônica di­reta entre as mentes, mas um fato físico como entortar colheres parece requerer o esforço conjunto de muitas mentes — exceto, segundo o professor John Taylor, da London University, no caso de crianças. De acordo com o exposto acima, isto não surpreende.

As crianças possuem uma imaginação mais viva do que a maioria dos adultos, com emoções mais poderosas, presumivelmente liberando vibrações taquiônicas mais fortes. Talvez esta ligação taquiônica forneça a chave a mistérios como os poltergeists!

Talvez os táquions forneçam um meio de comunicação com o outro lado do universo no balão de dois lados, ou, quem sabe, sejam meramente um produto da Matemática.

O assunto não é mais confuso do que o do neutrino, onde as estranhas situações feitas em tentativas desesperadas para resolver o “enigma do neutrino solar”. Talmadge Davis e John Ray, da Clemson University, na Carolina do Sul, sugeriram que os neutrinos, segundo suas equações, existem em um estado de momento zero e energia zero (o que os toma difíceis de serem vistos) mas mesmo assim eles podem realmente estar presentes, como “neutrinos fantasmas”, pois existe ainda uma função de onda matemática descrevendo sua presença:

Os neutrinos fantasmas aparecem de modo natural na relatividade ....... Talvez essas soluções de “neutrino fantasma” sejam um tipo de “relíquia” da Teoria Quântica da gravidade. De alguma forma o vácuo, na gravidade quântica, pode estar “pululando” de neutrinos e antineutrinos virtuais.

E isto é ciência. Pelo menos, o assunto certamente torna a idéia do nosso Universo como a camada externa de um balão tridimensional expandindo em um hiper-espaço multidimensional quase familiar. A idéia do balão de dois lados tem certamente o grande mérito de manter a simetria da matéria e anti­matéria em geral, mas na verdade não responde à pergunta “para onde vamos?” Para resolver este enigma que perturba o homem desde a conscientização de um futuro à frente — temos que olhar o outro lado da moeda da simetria — simetria não somente das coisas materiais, mas do tempo e do próprio espaço-tempo.

Do livro “Buracos Brancos” de John Gribbin

Outros enigmas

Temas Mágicos:

Talismã sagrado 

 O poder mágico dos talismãs e dicas para o ritual de consagração 

Sonhos lúcidos

 Orientações sobre a  maravilhosa arte de sonhar consciente

Kama Sutra

 A antiga arte hindu do sexo e do êxtase

Orações e preces

 Dezenas de orações e preces poderosas e  misteriosas

Auto-afirmações 

 As minhas auto-afirmações positivas

Enigmas

 Enigmas e curiosidades que desfiam a nossa imaginação 

Cristais e pedras

 As suas propriedades no plano físico, mental e espiritual

Numerologia

 O poder e o significado dos números

I Ching

 Instruções para usar o mais antigo livro de adivinhação

As cartas do tarô

 O livro da sabedoria. Conheça a sua carta pessoal anual

Cromoterapia

 A influência e o significado das cores

"O homem influi na natureza pela ação, nos outros homens pela palavra; e eleva-se à Deus pela prece e pelo êxtase."

Papus

     

Esta página estará sendo constantemente atualizada.

Visite-a com freqüência e confira as novidades.

 

Conheça o seu potencial de liderança e criatividade

 

 

 Viagens 
Meu Brasil
Fernando Noronha
Foz do Iguaçu
Rio de Janeiro
Florianópolis
Pantanal
Chapadas brasileiras
Nordeste do Brasil
Litoral Sul do Brasil
Bahia
Bonito
Gramado e Canela
Outros 50 Locais
 América do Sul 
Argentina
Buenos Aires
Bariloche
Península Valdez
Bolívia
Tiahuanaco
Ilha do Sol
La Paz
Chile
Puerto Varas
Pucon
Viña del Mar
Santiago
Cordilheira dos Andes
Lima
Paraguai
Assunção
Ciudad del Este
Peru
Machu Picchu
Cuzco
Nazca
Puno
Pisco
Lima
Uruguai
Montevideo
Colonia Sacramento
Punta del Este
Venezuela
Caracas
Isla Margaritas
Parque Morrocoy
Mérida
Los Llanos
 Outros países 
Grécia
Atenas
Mykonos
Santorini
Ilha de Creta
Israel
Jerusalem
Turquia
Istambul
Capadócia
 Minhas Viagens  
 Inesquecíveis  
 
 

Sic volo, sic jubeo, sic pro ratione voluntas